Avatar

Nadando contra a maré

O que realmente liberta?
O típico clichê alienadamente reproduzido “O conhecimento liberta”, incomoda além da conta. Vamos colocar os pingos nos Is.
Que conhecimento é esse que liberta?
Francamente sou totalmente contrária a esta ideia. Nado contra esta maré. Quanto mais sabemos mais angustiante se torna a vida. Isso não é pessimismo. É a realidade.
Veja se não é desesperador saber destas coisas:
Nos próximos 25 anos nascerão mais 2.000.000.000 de pessoas.
Desse total, cerca de 93% nascerão em países em desenvolvimento, lugares onde atualmente...

• 20% da população mundial detêm 82,7% das riquezas.
• O hemisfério norte consome 70% da energia mundial, 75% dos metais, 85% da madeira e 60% dos alimentos.
• A renda média nos países mais ricos é 37 vezes maior do que a renda média nos países mais pobres.
• Nos países ricos, menos de 5% das crianças menores de 5 anos estão mal nutridas. Nos países mais pobres, 50% das crianças têm algum problema de saúde por não comer o suficiente.
• Existem 800 milhões de pessoas desnutridas no mundo.
• 11 mil crianças morrem de fome a cada dia.
• Mais de um bilhão de pessoas no mundo não dispõe de água potável.
• 40% das mulheres dos países em desenvolvimento são anêmicas e encontram-se abaixo do peso.
• 1 a cada 7 pessoas morre de fome no mundo.
• 1 criança morre a cada 7 segundos de fome no mundo.
• 300 milhões de adultos são obesos no mundo.
• 1 litro de óleo combustível usado pode contaminar 1 milhão de litros de água.
• 1 em cada 6 pessoas vive com menos de 1 dólar por dia no mundo.
• 114 milhões crianças não recebem instrução sequer ao nível básico no mundo.
• 584 milhões mulheres são analfabetas.
• Mais de 6 mil pessoas morrem diariamente por doenças provenientes de água não-potável.
• Mais de 32 mil pessoas são mortas por ano no Brasil vítimas de armas de fogo.
• 42 mil pessoas morrem por ano vítimas de acidente de trânsito no Brasil.
• O ativo dos 3 homens mais ricos do mundo juntos excede o PNB dos 48 países mais pobres do mundo no seu conjunto.
• Somente 37% do papel de escritório é realmente reciclado, o resto é queimado.
• Apenas 1% do óleo consumido no mundo é reciclado.
• Os problemas ambientais são responsáveis por 25% das mortes anuais no mundo.
• 6 mil pessoas morrem por dia de AIDS.
• 8.200 pessoas são infectadas com AIDS, a cada dia.
• 1 milhão crianças morrem por ano, vítimas de malária.
• Em média, um canadense utiliza 6 vezes mais água por dia do que um indiano e 30 vezes mais do que um habitante de uma zona rural do Quênia.
• 4 mulheres são espancadas a cada minuto no Brasil.
• 18 mil crianças são espancadas diariamente no Brasil.
• Maus-tratos matam 16 crianças por dia no Brasil.
• 80 mil crianças morrem por ano em todo o mundo vítimas de negligência, agressões, abusos e exploração.
• Cerca de 5 milhões de crianças e adolescentes com menos de 15 anos trabalham atualmente no Brasil.
• 75% das crianças agredidas dentro de casa tem menos de 10 anos de idade.
• Mais de 75 mil pessoas morrem todos os anos por causa do álcool.
• 10% das mulheres no mundo são alvo de estupro.
• Os 5 maiores vendedores de armas do mundo são EUA, Inglaterra, Rússia, França e China, membros permanentes do conselho de segurança da ONU.
• Apenas 50 anos foram suficientes para uma devastação de mais de 50% das florestas tropicais na América do Sul e em pouco mais de um século, de mais de 70% das florestas do planeta.
• Apenas 1% do DNA humano difere do DNA dos macacos.
Coisas tão reais que chegam a adquirir uma conotação de fantasia, de uma realidade distante.
Talvez tenha sido por constatações como estas que tantos ativistas e líderes acabaram consumindo suas vidas com a mesma velocidade com que piscamos os olhos.
Agora diga: Saber de tudo isso te libertou de que? De nada! Saber de tudo isso nos acorrenta à insanidade humana.
Talvez já tenha passado pela sua cabeça a ideia de Uma casinha de sapé. A simplicidade e essência da vida na menor partícula da existência. Um mero lavrador encara a vida com uma altivez que muito executivo deixaria a desejar.
Estamos todos reproduzindo cotidianamente comportamentos, conhecimentos e dogmas os quais nem nos damos ao trabalho de verdadeiramente questionar. Repetir o que se encontra hermeticamente pronto é tão mais simples quanto abrir uma embalagem de leite longa vida. Mas esta talvez seja a mais frágil interpretação do mundo ao nosso redor.
Deveríamos ter conservado a curiosidade inerente à criança. Exercitar o porquê dos porquês. Esgotando todas as alternativas, na busca do crescimento.
Tornar sua a verdade do outro não é, e nem nunca será, capaz de libertar.
A verdadeira liberdade está no fato de olharmos algo em todas as suas variações. Enfim, formular nossos próprios caminhos, iluminar nossa grande jornada.
No mais, só me resta concordar com a celebre frase de Albert Einstein:

"Somente 2 coisas são infinitas, o universo e a estupidez humana, mas eu não estou tão certo quando a primeira."

22 comentários:

Moises Prado disse...

Obrigado!!
Q bom q vc gostou do meu blog, passa la mais vezes. Da uma lida nos textos mais antigos tb, seu comentario será muito bem vindo!!...

Parabens pelo seu blog tb!
Vc se mostra uma pessoa muito consciente!
"Nadando contra a maré", sem duvida alguma as vezes é necessario q tomemos essa atitude.
O q mais me deixa "angustiado" com tudo isso, é saber q a maioria desses problemas poderiam ser facilmente resolvidos. Talvez o maior de todos esses problemas seja o carater humano; carater hoje conrompido pela ganancia, pelo egoismo, pela falcidade, pela luxuria, pela sede de poder. Sem duvida alguma esses sao os maiores problemas da humanidade. Esses sao os geradores desses problemas tao graves q enfrentamos no mundo.

"Nao posso mudar o mundo, mas posso mudar o meu mundo e vc o seu, ate que um dia nos, o nosso!"

Fabi disse...

Tem horas que o mundo parece caminhar pro lado contrário, não é?
Excelente texto!

Obrigada pelo carinho!Essa situação toda está muito chata e incômoda. Mas fui fortemente aconselhada a não me manifestar verbalmente e apenas tomar as medidas cabíveis ao caso.

Não vejo a hora disso tudo chegar a um fim. E será muito feliz para mim!

Bj grande

CarOl disse...

Opa, eu aki de novo!!aouha...
Muito legal suas observações, qto as
estatisticas, elas são assustadoras!!!

adorei a frase "quanto mais sabemos mais angustiante se torna a vida"
verdade, a vida fica mt chata, qndo se tem resposta pra tudo!!!

até menina

Lorena D. disse...

FAntástico! A citação final fechou com chave de ouro.
Parabéns!

cassiano gomes disse...

Vc não falou nada que não fosse verdade. Quantas pessoas realmente se incomodam em ter pensamentos próprios? Bom, melhor nem pensar nisso.
Valeu.

Carlos Lopes disse...

Olá, Bárbara. Fiquei surpreso pela sua visita e pelo seu comentário. Fico sempre curioso pensando como é que quem não me conhece vai parar ao meu blog... Como encontrou o I Blog Your Pardon, Bárbara. Gostaria muito de saber. Tenho uma filha com o seu nome (com onze anos) e sou português, moro em Portugal (em Carcavelos / Oeiras), embora tenha nascido em Moçambique. Beijo grande.

Marina disse...

Depois de terminar esta leitura, ficou um vazio em mim. Uma grande interrogação. Vc sabe como propor uma reflexão.
Excelente Post.

Luiz Lopes Jr. disse...

Não entenda mal, mas, egoísticamente, pulei todas as estatísticas, pois me remeteram imediatamente à algo que li ontem por aí, sobre como as idéais atrapalham a evolução. O mundo está perdido, é fato. Penso que é melhor pegar alguma coisa desse mundo e tentar melhorá-la, que olhar tudo e permanecer inerte.

Daí parte-se à trabalhar objetivamente e alcanca-se resultados.

Belo blog!

Moises Prado disse...

opa!!
passa la no Diz ai,
texto saindo do forno!!

http://moisesprado.blogspot.com/

te+ bjo

A DONA DO MUNDO disse...

OI MENINA LINDA
ACABEI DE POSTAR SEU SELINHO
DESCULPE PELA DEMORA

BOM, NÃO PRECISO DIZER QUE VC TÁ COBERTA DE RAZÃO, E PODE SER QUE O UNIVERSO NÃO ACABE, MAS ELE PODE SE TRANSFORMAR EM ALGO IMPOSSIVEL PRA NÓS
PRECISAMOS USAR CAPACIDADE DE MUDAR, DE MELHORAR, DE PRESERVAR, DE CONSTRUIR
UM BEIJÃO

Haydée Borges disse...

Eu concordo que o conhecimento angustia. Tem coisa que eu preferia não saber, não ler, não ver. Mas é como vício, uma bola de neve, sei lá!

Julian disse...

Vc é 10. Vi esta porcaria de frase "O conhecimento liberta" uma vez no orkut. O maluco que disse essa asneira deveria ser abatido a tiros. Santa ignorância.
Muito bom o seu post.

CarOl disse...

:P
hehehe
olha ganhei uma seguidora,
a primeira!!! Valeu!!
Espero postagens novas aqui!!!
bjus

Sônia disse...

Excelente. Muito legal.

ju disse...

O conhecimento aprisiona. Junto com ele vêm todos os conceitos, os padrões pré-estabelecidos os quais espera-se que aceitemos para que também sejamos aceitos. O conhecimento é importante sim. Mas adquiri-lo pode representar abrir mão do que há de mais especial nesta vida...

Bárbara, adorei sua visita ao Medo de Avião. Deixo aí o linque para o Fundo de Mim que é um dos blogues que atualizo com maior frequência. (Uma vez por semana)

Um beijo. Também adorei o seu blogue. Inté!

Menino Poeta disse...

Não poderíamos deixar também de falar! Da ignorância do homem, pensar só em si! Tudo um dia foi criado, e não foi com a intenção de ser feito o que vemos nos dias de hoje. O mundo estar em preto e branco Culpa de quem? Do próprio homem, querendo ser “Deus” às vezes, ou pensando que o mundo só será melhor quando a tecnologia dominar todo o espaço terrestre. E não é bem assim, não temos apenas uma matéria pra cuidar! Temos uma alma, um espírito que também tem seu espaço e essa tecnologia ou a criação do mesmo não pode ocupar esse espaço. Ele precisa de algo sobrenatural, que somente um Espírito que clama com gemidos inexprimíveis pode nos dar. Belíssimo o seu post.

Mariana disse...

Olá, Bárbara!
Fico muito feliz que você tenha visitado o meu blog!

Fico muito feliz também em saber que ainda existem pessoas que se preocupam com pessoas. E este seu post, mostra isto tudo.
Excelente!

Obrigada pela visita, volte assim que te apetecer! :*

Roberto Watanabe disse...

Completamente certo. Quem disser o contrário é o verdadeiro ignorante.

CarOl disse...

Oi, bárbara
Indiquei você para um meme(eu num sabia o que era, mais é legal) está no meu blog.
Espero que goste!!!
bjus meninaa

balasalgada.net disse...

Achei essa realidade um tanto quanto assustadora!

Como pode tanta pouca gente reter tanto dinheiro.

Anônimo disse...

PARABÉNS!
ESTAVA RODANDO A NET À PROCURA DE INFORMAÇÕES E ACABEI AQUI!
ESCREVENDO APENAS PARA TE PARABENIZAR PELA SUA PÁGINA....ÓTIMAS PALAVRAS OK?!

Ellus disse...

"A verdadeira liberdade está no fato de olharmos algo em todas as suas variações. Enfim, formular nossos próprios caminhos, iluminar nossa grande jornada." Seu texto resumi-se a esras linhas.

Related Posts with Thumbnails
 
©2007 '' Por Elke di Barros