Avatar

Chacal




“Morro de amor
e mordo diamante
Dos cacos dos meus dentes sangrando
Faço um cordão pra enfeitar a sua fantasia.”

Poema Latas Vazias by Chacal



Quando li estes versos pela primeira vez vislumbrei um amor de possibilidades infinitas, um amor sem limites.
Foi tão realista e ao mesmo tempo tão visionário que fiquei confusa.
Será mesmo que alguém faria o que Chacal propunha?
Um amor como este permeia o sonho de muita gente nesse mundo, quiçá em outro.
Pois bem, posso me considerar felizarda. Encontrei um amor, de alma grande e coração puro. Um amor valente, forte e audaz. Um amor realmente capaz.
Como fiz isto? Até hoje não entendo bem. Apareceu do nada, por nada, num dia de inverno. Esquentou meus momentos, me fez rir e flutuar.
Privilégio? Sim!
Afinal já tenho todas as fantasias enfeitadas por cordões.
E você, vai esperar que seus dentes caiam por medo do mundo?
Não, não deixe que isso aconteça.
Procure seu amor. Quem sabe ele/ela não está ao seu lado e você ainda nem se deu conta.

Related Posts with Thumbnails
 
©2007 '' Por Elke di Barros